Home > Noticias
 
                  
  Seu canal de contato com a equipe da CBBS Cadastre-se no site da CBBS e fique sempre ligado nas últimas notícias do Beisebol brasileiro Links Encontre matérias e fotos já publicadas no site da CBBS Leia notícias do Softbol Leia notícias do Beisebol pelo mundo Leia as notícias do Beisebol brasileiro Leia o Editorial mensal da CBBS Circulares Calendário Sobre a CBBS Retorne à página principal do site
 
 

Portaria nº. 23-2008 Comissão Disciplinar da V Taça Brasil de Softbol Feminino Interclubes Júnior
Publicado em 13 de Junho de 2008, às 16h19
Por: Divulgação

SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA DESPORTIVA
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BEISEBOL E SOFTBOL

Portaria nº. 23-2008


O Presidente do STJD, no uso de suas atribuições conferidas pela Lei 9615/98 e alterações subseqüentes bem como na Resolução no. 01/2003 nomeia os abaixo relacionados para integrarem a COMISSÃO DISCIPLINAR da V TAÇA BRASIL DE SOFTBOL FEMININO INTERCLUBES JÚNIOR, a ser realizado nos dias 14 e 15 de junho de 2008 na cidade de São Paulo / SP – Coopercotia Atlético Clube.
Nome dos membros da Comissão de Disciplina:
Silvio Portiolli
Meire Mukai Mendes
Rui Higashitani
Gilberto Hideo Siraichi
Joacir José Filho

Dado os recentes acontecimentos envolvendo membros da C.D. indicados pelas entidades de prática desportiva, na tentativa de descumprimento na aplicação de medidas disciplinares a atletas, técnicos e Árbitros, por desacato as súmulas e interferência no andamento dos trabalhos da C.D., bem como membros indicados pelas entidades que não compadeceram ao evento nem tampouco justificaram essa falta comprometendo os trabalhos da C.D, pois não podem ser substituídos, e, tendo em vista, também, que essa competição diz respeito a Campeonato Brasileiro, essa Presidência entende que embora valiosa suas colaborações no sentido de dignificar a Comissão Disciplinar do STJD da CBBS suas escalações ficam condicionadas à falta de quorum entre os indicados para comporem a Comissão Disciplinar.

Considerando que o membro da Comissão Disciplinar exerce função de relevante interesse em prol do Beisebol e considerando a transparência que se almeja atingir, quando do julgamento e ser aplicada pela Comissão de Disciplina, a Comissão Disciplinar deverá ser composta de 5 (cinco) membros que não pertençam ou tenham relação direta com o clube/atletas ou representante infrator e nem seja membro de nenhuma diretoria executiva de qualquer entidade do beisebol.

O Julgamento a ser praticado pela Comissão Disciplinar, será de forma sumária e ocorrerá logo após o término da partida em que originou o fato, em local a ser previamente destinado pelo realizador do evento.
A Comissão Disciplinar aplicará sanções em procedimento sumário, assegurados ampla defesa e o contraditório.

Indicados pelas Entidades de Pratica Desportiva:
Relação dos membros da Comissão Disciplinar, que poderão ser convocados, caso seja necessário por ausência do titular ou movido por força maior.
Hideo Sato
Tadashi Suzuki
Vera Nagano
Claudia Seguti

Os indicados deverão estar presentes 30 minutos antes do início das atividades e deverão deixar o local, somente após a entrega da Súmula pela Comissão de Arbitragem.

Os membros da Comissão Disciplinar, por disposição legal exercem função considerada de relevante interesse público.

A Comissão Organizadora deverá providenciar local adequado para a instalação da referida Comissão bem como fornecer, se necessário, transporte, alojamento e alimentação aos indicados. Os Clubes participantes poderão objetar os membros indicados pelas entidades de prática desportiva, relacionados nessa portaria no prazo de 2 (dois) dias contados da data de sua publicação, fundamentando seu pedido, mediante documento escrito e protocolado na sede da CBBS.
A presente portaria entrará em vigor na data de sua publicação no site da CBBS.

Takayoshi Joaquim Tuboni
Presidente

 
  SOBRE A CBBS | IMPRENSA

© Copyright 2000-2014 Confederação Brasileira de Beisebol e Softbol. Todos os direitos reservados.